Expressão e linguagens em PP – ECS504 (2014, 2)

Paradoxos do Barbeiro e de Russel. SERPA, Marcelo (2008).
03/08/2014
Eleições espetaculares na América Latina – ECL028 (2014 2)
05/08/2014

Escola de Comunicação – ECO / UFRJ
Comunicação Social – Complementar
ECS504 – Expressão e Linguagens em PP – Hab. Publ. e Propaganda (60 h)
Sala:
Campinho, Módulo 10

Horários:
Terças-feiras, das 07h30 às 11h00

Professor:
Marcelo Serpa

Ementa do Curso:
Estudo das técnicas, expressões e linguagens em publicidade e propaganda.  A comunicação e o marketing. Evolução histórica. Briefing publicitário. Planejamento. O anúncio na mídia impressa e eletrônica. Fases e estilos. Avaliação de anúncios.

Bibliografia:

SANTANNA, Armando. ROCHA JR., Ismael. GARCIA, Luiz Fernando Dabul. Propaganda: teoria, técnica e prática. São Paulo: Cengage, 2008. 438 p.

KOTLER, Philip. KELLER, Kevin Lane. Administração de Marketing. 14a Ed. São Paulo: Pearson Education, 2012.

NEWMAN, Michael. Consagradas lei de propaganda e marketing, As 22. São Paulo: M Books, nd. 300 p.

DUAILIBI, Roberto. SIMONSEN, Harry Jr. Criatividade e marketing. São Paulo: M.Books, nd. 216 p.

BARRETO, Roberto Menna. Criatividade em propaganda. São Paulo : Summus, 2004 – 12a edição. 262 p.

Objetivos:
Transmitir informações básicas sobre técnicas, expressões e linguagens no processo integrado da publicidade da propaganda e do marketing visando propiciar ao discente:
a) Conhecimentos básicos da comunicação, propaganda e marketing e suas breves histórias;
b) Compreensão sumária da estrutura e da dinâmica da comunicação, publicidade, propaganda e marketing e seus  processos;
c) Elementos para a avaliação técnica da peça de publicidade e propaganda quanto às suas expressão e linguagens.

Processos Didáticos:
d. Exposições;
e. Projeção de data show;
f. Exibição de peças publicitárias impressas e eletrônicas;
g. Exercícios de treinamento de percepção e testes de avaliação de peças publicitárias.
Instruções Metodológicas
h. Apresentação integrada dos assuntos de Propaganda e Marketing, evitando a dicotomia dos dois processos;
i. Opção pelo máximo de informação em detrimento da redundância;
j.  Alternância da exposição teórica com apresentação de casos reais exemplificando a aplicação conceitual;
k. Treinamento da percepção e da avaliação de peças publicitárias;
l. Esquematização gráfica dos conceitos (sempre que possível).

PROGRAMA:
Unidades Didáticas / Objetivos específicos / Conteúdos:
(em atualização)

1. História do Anúncio e pré-história da publicidade
1.1 Antecedentes publicitários: suas primeiras manifestações
1.1.1 Primeiras manifestações
1.1.2 Bandeiras e insignias
1.1.3 Marcas
1.1.4 Publicidade eleitoral
1.1.5 Idade média
1.1.6 Manifestações do poder
1.1.7 Atividade anunciadora
1.2 Imprensa e Revolução Industrial
1.2.1 Aparecimento da Imprensa
1.2.2 Folhetos e cartazes
1.2.3 Marcas e etiquetas
1.2.4 Surgimento das Agências de Publicidade

2. Conceitos fundamentais de Propaganda:
compreender o processo da propaganda.
2.1 Definições. Aspectos etimológicos e semânticos.
2.2 Descrição do campo. Conceitos de Altro-orientação.
2.3 Descrição dos campos internos da Propaganda: planejamento, criação, veiculação, produção e administração.
2.4 Revisão do Processo da Propaganda
2.5 Tipologia da Propaganda. Quanto à Natureza. Quanto ao ciclo de vida do Produto.
2.6 Fundamentos do processo psicológico do anúncio.
2.7 Tipologia do anúncio.
2.8 Informação mercadológica e publicitária. O briefing criativo.

3. Elementos para uma Teoria Geral do Anúncio:
conhecer as bases técnicas das linguagens do anúncio.
3.1 Fundamentos psicológicos do processo processo do anúncio.
3.2 Tipologia do anúncio.
3.3 Papel e lugar da Criação no processo da Propaganda (recapitulação sumária).
3.4 Definição do Anúncio.
3.5 Princípios gerais da Linguagem do Anúncio
3.5.1 Princípio da Subjetividade
3.5.2 Princípio da Percepção
3.5.3 Princípio da Empatia: conceito da empatia na propaganda.
3.5.4 Princípio da Quantidade Crítica de Informação: conceitos informáticos aplicados ao Anúncio.
3.5.5 Princípio do Prazer: conceito de princípio do prazer aplicado à propaganda.
3.5.6 Princípio da Relação Produto-Consumidor: conceito da relação produto consumidor no Anúncio.

 3.6 Estratégias criativas do anúncio
3.6.1 Anúncio Notícia de Produto
3.6.2 Anúncio de Imagem (de Marca)
3.6.3 Anúncio USP
3.6.4 Tendência contemporânea

3.7 Táticas de abordagem do anúncio
3.7.1 Abordagem racional
3.7.2 Abordagem emocional
3.7.3 Abordagem moral

3.8 Tendências contemporâneas do anúncio
3.8.1 Inversão do marketing
3.8.2 Pertinência
3.8.3 Convergência
3.8.4 Interatividade

4. Avaliação de anúncios / campanhas
4.1 Relatório técnico
4.1.1 Aprovação total
4.1.2 Aprovação parcial / recomendações de ajustes
4.1.3 Reprovação / recomendações para criativos
4.2 Exercícios de avaliação de anúncios/campanhas

AVALIAÇÃO DE APRENDIZAGEM:
Os alunos matriculados no curso de Expressão e Linguagens em PP são submetidos a um Plano de Trabalhos Práticos que objetiva avaliar a aplicação direta dos conceitos teóricos expostos ao longo do período, através de treinamento elementar especialmente na avaliação de peças de comunicação, mas também na execução de tarefas concernentes à sua criação e execução, com ênfase no planejamento e na avaliação.

Para cada trabalho proposto, basicamente, os alunos executarão as fases principais da atuação publicitária, quais sejam, a coleta de informações mercadológicas e publicitárias, elaboração e/ou interpretação do briefing e a avaliação.

Ao final do curso os alunos terão reunido umas poucas dezenas de peças que vão compor um Portifólio a ser apresentado para efeito da sua avaliação no curso.

De maneira geral, os trabalhos propostos serão previstos para realização em Duplas e em Grupo (de até 06 alunos).

Os trabalhos de Duplas ou Grupos deverão ser emitidos em tantas vias quanto forem os seus componentes, e apresentados nos portifólios de cada componente, de forma a propiciar a avaliação de cada aluno individualmente, independente de avaliação da dupla ou do grupo.

Relação dos trabalhos …. aqui